segunda-feira, 12 de maio de 2014

O Pecado Dominante e a Virtude Contrária

                      Infelizmente todos pecamos !  Pecamos porque somos imperfeitos na nossa natureza humana, mas mesmo imperfeitos Deus nos ama como filhos, porém o que Deus ama são as pessoas que somos e não nossos erros. Deus nos criou para sermos felizes e sempre o pecado rouba a nossa felicidade e, com certeza, Ele fica feliz quando conseguimos vencer um pecado. Pecado é tudo que por ação nossa leva ao afastamento de Deus. Alguns dos pecados mais habitualmente feitos e que devemos lutar contra com real detestação deles por ofenderem a Deus são os sete pecados capitais : preguiça, avareza, irá, gula, luxúria, soberba e a vaidade. Estes pecados nos levam a não aceitarmos a grandeza de Deus e colocarmos nossos desejos e idéias acima das de Deus, e convenhamos que nunca alguém terá um bilionésimo do entendimento e inteligência de quem criou o universo. Para irmos para o céu é preciso aceitar a Deus, e para isto não ser vão é preciso termos ações contrárias a nossas tendências erradas.
                   O que é bom vem de Deus, o que é ruim vem do demônio, agora como o Senhor é bom Ele nos ensina o caminho para a felicidade, mesmo que às vezes seja mais trabalhoso. Por ser perfeito Ele não nos obriga a nada e nos dá a liberdade para escolhermos qual caminho queremos, só que com tais escolhas vem as consequências de nossos atos e se escolhemos o caminho errado um dia enfrentaremos a justiça dos homens e a divina principalmente.
                    Todos temos vários defeitos mas temos um defeito maior, o que é chamado de defeito dominante, e este muitas vezes é um pecado capital no qual mais facilmente nos deixamos cair. É chamado dominante porque pode levar aos outros pecados e afastamento de Deus. Por ser muito amoroso e bondoso Deus nos dá ferramentas para lutarmos contra tais pecados que são as virtudes contrárias, ou seja cada pecado pode ser combatido se exercitando uma boa tendência ou virtude que se contrapõe a tal pecado.
                   A humildade serve para vencer a soberba, a castidade se opõe à luxúria , a generosidade à avareza,  a temperança é contrária a gula, a caridade se opõe à inveja, a paciência  à ira e por fim a diligência é contrária a preguiça. Vamos exemplificar, se sou preguiçoso e quero vencer isto eu posso começar a fazer pequenas atitudes que me são custosas e trabalhosas , que aos poucos vou aumentando e isto me abre caminho real para vencer a preguiça,  tal fato ocorre com cada uma das virtudes aqui descritas, ou seja, se exercito o bem ele prolifera e dará frutos, porém se exercito o mal me afasto de Deus e cada vez mais me afogo nos vícios, o que torna cada vez mais difícil sair deles.
                  Todos podemos e devemos melhorar, todos temos vícios dominantes e cada vez que os identificamos temos o dever cristão de lutarmos para melhorar, e o melhor caminho para isto é pedirmos a Deus diretamente (afinal tudo de bom vem Dele ) ou para quem tem mais mérito do que nós como a Santa Maria, os santos e anjos... Uma coisa é certa quem está lutando para melhorar é feliz assim como quem está afundado nos vícios infelizmente é um sofredor contumaz e nunca vai sair do buraco senão exercitar as virtudes opostas a tais vícios..

                                            

Nenhum comentário:

Postar um comentário